Património Geológico de Portugal

Inventário de geossítios de relevância nacional

Amorosa

Categoria temática:Triássico Superior do SW ibérico

Proponente(s):Nuno Pimentel

Contacto:npimentel@fc.ul.pt

Região:Algarve

Município:Silves Freguesia:São Bartolomeu de Messines

Área do Geossítio (aprox.):15000 m2

Coord. Geográficas:37.2544444,-8.3269444

Área de protecção:0 m2


Ver no Google Maps

Regime de propriedade:privado

Regime de protecção ambiental:
Incluído noutros regimes de protecção- em actualização

Avaliação quantitativa do valor científico (0-100):38.75

Avaliação quantitativa da vulnerabilidade (100-400):270

Justificação do valor científico:
Exposição da totalidade da sequência triásica da Bacia Algarve, na região de espessura máxima (cerca de 400 metros), próximo da localidade tipo dos “Grês de Silves”.
Conteúdo fossilífero permitindo estudos biostratigráficos. Presença de soleiras e escoadas ígneas a tecto, permitindo datações absolutas.

CHOFFAT, P. (1887) - Recherches sur les terrains sécondaires au Sud du Sado. Com. Trab. Serv. Geol.Port., 1: pp. 222-312.
DOUBINGER, J. , ADLOFF, M.C. & PALAUIN, C. (1970) – Nouvelles précisions stratigraphiques surr la séries de base du Mésozoique portugais. C.R.Acad.Sciences 270, pp.1770-1772.
OLIVEIRA, J. T. (1984) - Notícia Explicativa da Folha 7 da Carta Geológica de Portugal, escala 1/200 000. Serv. Geol. Port., 77 pp..
PALAIN, C. (1968) – Preuves paléontologiques de l’existence du Keuper au Portugal, dans la province de l’Algarve.C.R.Acad.Sciences 267, pp. 694-696
PALAIN, C. (1976) - Une série détritique terrigène, les Grés de Silves: Trias et Lias inférieur du Portugal. Mem Serv. Geol. Port. , N.S. 25, 363 pp..
PRATSCH, J.C. (1958) – Stratigraphisch-tektonische Untersuchungen in Mesozoikum von Algarve (Sud-Portugal). Beith,Geol. Jahb., Hannover, 30, 123 pp.
ROCHA, R. (1976) - Estudo estratigráfico e paleontológico do Jurássico do Algarve ocidental. Ciências da Terra, vol. 2, 178 pp.. Univ. Nova de Lisboa.

Outros valores e sua justificação:
Beleza paisagística, próximo ao Rio Arade e Serras Algarvias.

Observações:

FCT Uminho

Copyright 2014 Universidade do Minho